Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Os livros como companhia

Um blogue sobre livros, leituras, opiniões sinceras e isentas de interesses.

Os livros como companhia

Um blogue sobre livros, leituras, opiniões sinceras e isentas de interesses.

07.02.19

Nuno Nepomuceno - A Última Ceia

m.
 Não é a primeira vez que leio este autor,  é muito simpático, e tive de o ler assim que comprei, aquela resolução (só em pensamento), ler primeiro os que temos mais antigos na estante, não passa disso mesmo uma resolução, porque há autores que têm prioridade, e o Nuno é um desses autores (alguém pergunta aqui ao lado, se andei com ele na escola, não,  mas gostaria e agora podia dizer que conhecia um bom autor português). Um roubo de umas cópias da famosa Última Ceia (...)
19.01.19

Jane Eyre; Charlotte Brontë

m.
O que posso dizer deste livro, só coisas boas, muito boas, porque é um livro daqueles que marcam e ficam impregnados em nós. Tinha visto o filme há alguns meses atrás, e pensei tenho ali o livro, agora já sei a história será muito diferente?; comecei a lê-lo, "não demorei nadinha a ler", "devorei" e "saboreei" este livro.  Porque o que é bom deve ser prolongado. O livro superou o filme, no filme temos como que um "cheirinho", no livro as personagens são completas e ainda mais (...)
17.01.19

Meus Autores De Sempre - Stephen King

m.
Medo, ter sempre muito medo quando formos ler este autor. Foi esse o meu pensamento, depois de terminar A Incendiária,  o primeiro livro deste fantástico autor norte americano. Depois de ler este livro, li logo de seguida A Zona Morta, e fiquei tão impressionada que lhe dei algum tempo sem pegar neste autor. Quando li Cell, Chamada Para a Morte, andei uns tempos a desconfiar do meu próprio telemóvel, e das chamadas, mas isso ainda se passa um bocadinho hoje, a desconfiança, e não (...)
15.01.19

Sándor Márai ; As velas ardem até ao fim

m.
 Este foi um livro que há muito queria ler, pelas criticas,  a curiosidade do desconhecido da história, o autor, uma narrativa que é praticamente um monólogo e a capa adoro esta capa tão melancólica e calhou ser o último de 2018 (ainda li ai umas 10 páginas por ai) e o primeiro de 2019. E foi aquela leitura para aquele dia, eu sei que eram alturas de festas e celebrações, mas eu pessoalmente não me sentia nada festiva, e este livro e esta história fez-me recordar muito (...)
14.01.19

Colecção Vampiro

m.
A minha aventura policial, das férias começava com o "meu saque" à biblioteca do meu tio, ele só me dizia isso tudo, e eu respondia. sim, depois daqui a duas semanas volto cá.... O problema é que terminaram as férias, e ainda haviam tantos "vampiros policiais" para ler, que as cenas foram-se repetindo até ter terminado a leitura dos livros nesta biblioteca. Mas depois....em época de aulas e exames, lê-se menos e outros géneros, mas quando devemos pensar em ler matéria (...)
14.01.19

Jane Austen; Orgulho e Preconceito; Curiosidades Aniversariantes

m.
É só um dos  meus livros favoritos, tenho-o em versão poupadinha, uma edição da Note It, por um preço menor de 5€, e já o li duas vezes, uma história tão terna, como intemporal, real e desafiante, depois comprei o filme,  com Keira Knightley (Elizabeth) e Matthew Macfadye (Mr. Darcy), dirigidos por Joe Wright, não sei quantas vezes o vi, tem emoção e as partes importantes e principais estão lá, uma adaptação "quase perfeita",  mas ainda um destes dias quero voltar a (...)
14.01.19

Os livros e as capas

m.
Às vezes existem livros, que têm capas lindas, és capaz de ficar como que hipnotizada, lês a sinopse e o interesse diminui, mas voltas a olhar para a capa, e a esperança que seja uma história boa, interessante que te prenda renova-se. Vês as opiniões, e ups, há qualquer coisa que não bate certo, mas a capa é mesmo espectacular e não tens dúvidas que vais  gostar da história, e então dás-lhe finalmente tempo de leitura, e ...começas as primeiras palavras, frases, e o (...)